Resumo da história do Squash

A história do Squash é bem interessante. Se você tem curiosidade para entender de onde se originou a ideia de bater a bola contra uma parede e como isso acabou virando um esporte, a leitura a seguir vai ajudar.

História do Squash: origem e evolução

Placa na Harrow School | Imagem: blog.rentforevent.co

O Squash (“squósh” na pronuncia em inglês) surgiu no início do século XIX. A versão mais difundida relata que o jogo começou a ser praticado por reclusos da prisão inglesa de Fleet Debtors. Alguns presos usavam paus e bastões no lugar de raquetes e uma bola de borracha que batiam contra os muros da prisão. Já outros utilizavam raquetes, surgindo daí ao que se concebeu como jogo de “Rackets”.

De alguma forma, ainda sem consenso nos textos, tal prática passou a ser também realizada na “Harrow School” e outras escolas Britânicas de prestígio e tradição durante a terceira década do século XIX. Os alunos descobriram que uma bola furada do jogo de “Rackets”, quando espremida (“squashed”) pelo impacto com a parede, produzia muito mais variedade de trajetórias, e requeria um esforço muito maior para se jogar.

Consequentemente, com essa configuração, os jogadores não podiam simplesmente esperar a bola voltar, como no jogo de “Rackets”. Esta variante foi muito bem aceita. Por isso, em 1864, então, a primeira quadra de Squash foi construída na “Harrow School”. Com isso, o esporte conhecido como Squash foi oficialmente fundado.

Foto: https://commons.wikimedia.org

Primeiras quadras de squash

The game of squash

As primeiras referencias ao Squash, fora da “Harrow School”, foram publicadas no livro “The Badminton Library of Sports and Pastimes”, de 1890, escrito pelo Duque de Beaufort. Por outro lado, o primeiro livro dedicado inteiramente ao Squash, foi escrito em 1901 por Eustace Miles, campeão mundial de Tenis e Rackets. Nele, há registros que o esporte já era desfrutado por milhares de jogadores, em várias partes do mundo.

Já existiam quadras de Squash em escolas, universidades e residências particulares. O primeiro campeonato profissional de Squash, por exemplo, foi realizado em 1920, na Inglaterra, no qual C.R. Read (Queens Club) venceu A.W.B. Johnson (RAC Club).

Com o crescimento do esporte, algumas organizações foram criadas para gerenciar o  Squash em cada país. Ou seja, as primeiras foram a United States Squash Racquets Association (USSRA) em 1907 e a Canadian Squash Racquets Association em 1911. Na Inglaterra, o esporte estava regulado pelo sub-comitê de Squash, vinculado a Tennis and Rackets Association de 1908 até 1928, quando a Squash Rackets Association (SRA) foi fundada.

Quadra de Squash no Titanic | Imagem: blog.rentforevent.co

Padrões oficiais da quadra

Uma quadra construída no “Bath Club”, em Londres, no início do século XX, foi escolhida como o padrão a ser seguido em termos de dimensões. Isto é, 32 pés (9,75 metros) de comprimento por 21 pés (6,4 metros) de largura. O sistema de contagem sem vantagem, com games de 15 pontos foi usado até 1926, quando foi trocado pelo sistema com vantagem. Ou seja, só quem saca, marca pontos, e games de 9 pontos foram propostos. Na América do Norte, o antigo sistema de contagem se manteve, e foi adotado no Circuito Profissional em 1991, visando-se encurtar os jogos.

Nomes importantes

Jahangir Khan | Imagem: Bob Thomas/Getty Images sportskeeda.com

Em 1933, o grande jogador Egípcio Amr Bey, conquistou o primeiro de uma série de cinco British Open. Esse torneio era referenciando como o Campeonato Mundial da época. Seguindo tais conquistas, M.A. Karim, também do Egito, alcançou os títulos entre 1947 e 1950. Em 1951, a “Dinastia Khan” estabeleceu-se com Hashim entre 1951 e 1958, Roshan em 1957, Azam entre 1959 e 1962, Mohibullah em 1963, Jahangir entre 1982 e 1992 e Jansher em 1993 e 1994.

Heather McKay | Imagem: womenaustralia.info

O British Open feminino começou ainda mais cedo. Isto é, a jogadora Miss. J.I. Cave, por exemplo, ganhou em 1922. Até 1960, somente jogadoras inglesas haviam conquistado esse torneio. Janet Morgan (Shardlow após casar-se) ganhou os campeonatos entre 1950 e 1958.

Em seguida, a australiana Heather McKay dominou suas adversárias entre 1966 e 1977 e manteve-se imbatível durante toda a sua carreira. Trata-se da  jogadora mais famosa de todos os tempos. Ela foi sucedida por Susan Devoy, da Nova Zelândia, que ganhou o British Open entre 1984 e 1992.

Possivelmente os jogadores que propiciaram o maior desenvolvimento do Squash foram o irlandês Jonah Barrington e australiano Geoff Hunt. Eles dominaram o Squash entre o final dos anos 1960 e o início dos anos 1980.

História do Squash no Brasil

A história do Squash no Brasil tem origem com os ingleses. A primeira quadra surgiu no início do século XX nas minas de ouro de Nova Lima (MG). Já em clube esportivo, a primeira quadra surgiu no São Paulo Athletic Club na década de 1930.

Mas, pode-se dizer que a história do Squash no Brasil ganhou força no final da década de 1970 e início de 1980. Isto é, foi quando o primeiro boom do Squash começou. Por isso, houve a construção de quadras em clubes e academias de São Paulo e Rio de Janeiro. Consequentemente, no final de 1980 novas quadras foram construídas no Paraná, Rio Grande do Sul e Minas Gerais e também em Belém do Pará.

Federações

A primeira federação a ser fundada foi a Federação Paulista de Squash Rackets em novembro de 1979. Depois disso, veio a Federação de Squash do Rio de janeiro, fundada por filho de ingleses liderados por John Hughes. Já a Associação Brasileira de Squash foi fundada em 1985. Logo após, foram fundadas as federações de Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul.

A Confederação Brasileira de Squash foi oficialmente fundada em junho de 1991 na sede do Comitê Olímpico Brasileiro. Logo, em 1994, filiou-se ao COB. Hoje a CBS tem 14 (quatorze) federações filiadas. Isto é, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Brasília, Goiás, Espirito Santo, Bahia, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará e Maranhão.

Jogadores

Kiko Frisoni de São Paulo dominou o Squash Brasileiro e sul-americano desde seu início. Juntamente com Paulo Troyano, também de São Paulo, liderou o Squash sul-americano até o final da década de 1980. Na década de 2000, destaca-se Rafael Alarcon.

Já no feminino, a paulista Denise Pastore foi diversas vezes campeã brasileira e sul-americana. Junto com Karen Redfern, representam importantes atletas brasileiras. A mineira Flavia Roberts foi a melhor brasileira classificada no ranking mundial (décimo sétimo lugar em 1988).

Novo Squash Brasil

A história do Squash no Brasil ganhou um novo capítulo em 2016. Ou seja, com o surgimento do Novo Squash Brasil. Esse foi o marco inicial para reunir os atletas profissionais em competições ao longo do ano. O torneio têm sido de ótimo nível técnico. Além disso, as etapas têm se distribuído em várias localidades do Brasil. Por isso, contribui para a divulgação do esporte e envolvimento dos atletas.

Desde então, todos os aficionados por Squash podem acompanhar as partidas das etapas por meio da All Sports TV. Uma iniciativa fantástica que tem aproximado cada vez mais a comunidade squashista.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui

ENTENDA O SQUASH

428FãsCurtir
721SeguidoresSeguir
120SeguidoresSeguir
269InscritosInscrever

Curtinha do squashistas

Receba mensalmente atualizações no seu email.