Aquecimento: 5 benefícios para o Squash

Qualquer pessoa que pratica atividades físicas regularmente, ou que se engaja em um esporte que requer uma boa dose de esforço como o Squash, já deve ter escutado sobre a necessidade de realizar um aquecimento adequado do corpo antes de treinar ou jogar.

Apesar de saber disso, muitos de nós não damos a devida atenção a essa rotina pré-jogo e treino. Simplesmente se entra em quadra sem que o corpo esteja adequadamente preparado. Alguns até dizem: “deixa que me aqueço no jogo”.

É preciso, contudo, alertar que o aquecimento serve para diversos propósitos. Isto é, vai muito além da simples noção prática de que ele ajudará a deixar o corpo preparado para a atividade física a ser realizada. Além disso, cabe ressaltar que aqui não se está falando sobre aqueles minutos que, por regra, os dois jogadores têm para aquecer a bola antes do jogo de Squash.

Veja agora um ‘Top 5’ dos motivos pelos quais todos os squashistas devem realizar um aquecimento antes de jogar.

AQUECIMENTO MELHORA O DESEMPENHO

Estudos científicos já evidenciaram que um aquecimento adequado antes de treinar ou jogar contribui para o desempenho. Isto é, ao gradualmente aumentar a temperatura corporal, ocorrem mudanças fisiológicas que otimizam tanto a função cardiovascular quanto a musculatura. E isso, além de permitir começar o jogo em um ritmo mais elevado, prepara melhor o atleta para as demandas subsequentes que o corpo passará.

AQUECIMENTO AUMENTA A AMPLITUDE DE MOVIMENTOS

squash player aquecimento
Imagem: squashskills.com

Um aquecimento propriamente estruturado ajuda a amplitude de movimento do corpo. Ou seja, melhora a elasticidade muscular e libera líquido sinovial para lubrificar as juntas. O agachamento/avanço, os giros e mudanças de direção decorrentes do jogo de Squash requerem que as articulações do quadril e das pernas se adaptem a uma variedade de posições de equilíbrio e amplitude de movimentos. Preparar as juntas antes de jogar proporciona se agachar melhor, avançar mais e chegar mais inteiro na bola. Logo, ser disciplinado e incorporar exercícios de mobilidade regularmente antes e depois do Squash ajuda a desenvolver e manter uma amplitude de movimentos maior no longo prazo.

AJUDA NA TÉCNICA DE JOGO

Adaptar o aquecimento a exercícios típicos de uma partida de Squash pode ajudar no aperfeiçoamento das jogadas e de movimento antes de jogar ou treinar. Por isso, incorporar rotinas de movimentação (ghosting) e de terminação ajuda a liberar o braço para as batidas na bola, bem como reforça padrões de movimento adequados para o jogo. Entrar em quadra sozinho, mesmo que por apenas dez minutos antes de jogar, ajuda tanto para ajustar o tempo de batida na bola como na fluidez de movimentos. Consequentemente, isso permite começar o jogo no melhor nível técnico e físico do jogador já a partir da primeira jogada.

AJUDA NA PREPARAÇÃO MENTAL

Ramy Ashour aquecimento
Imagem: ussquash.com

A preparação mental para jogar Squash é algo fundamental para qualquer praticante. Isto é, seja para quem deseja levar um pouco mais a sério o esporte. Ou mesmo para aqueles que gostam apenas como atividade de lazer, mas que se distraem de tempos em tempos. Incorporar isso na rotina de aquecimento pode ser uma forma efetiva de se preparar para os desafios da partida ou treino a ser realizado. Já se tem evidências que usar estratégias de visualização dos elementos necessários para levar a um melhor desempenho durante os exercícios para se aquecer, e ensaiar táticas, estratégia de jogo e objetivos para a o treino ou partida, contribui para o desempenho esportivo.

AJUDA A PREVENIR LESÕES

Olivia Blatchford
Imagem: squashmad.com

Embora esse seja o benefício mais citado do aquecimento, o efeito não é tão grande como se pensa. Ou seja, muitas lesões que ocorrem em esportes de alta intensidade, a exemplo do Squash, decorrem de um trauma repentino, frequentemente, inevitável (e.g. torcer o tornozelo, ou ser atingido pelo bola ou raquete). Todavia, estudos científicos sugerem que aquecer-se de forma adequada pode ajudar a prevenir outros tipos de lesões. Por exemplo, distensões e estiramentos musculares podem ser atenuadas com uma rotina de aquecimento bem estruturada. Há também evidência exercícios desse tipo podem reduzir dores após a atividade física e prevenir a rigidez muscular no dia seguinte. Já para jogadores não tão jovens, o aquecimento também ajuda a diminuir o risco de lesões mais graves ligadas a questões cardiovasculares.

CONCLUSÃO

Uma rotina de aquecimento bem construída e executada, pode contribuir para a prática do Squash, tanto física como mentalmente. Por isso, é sempre bom estabelecer um tempo para incorporar um aquecimento dinâmico antes do treino ou do jogo. Isso ajuda o desempenho de diversas formas. Primeiro, na prevenção de lesões. Segundo no aumento do fluxo sanguíneo e na entrega de oxigênio para a musculatura. Terceiro, na amplitude de movimentos. Quarto, na ativação do sistema nervoso. Por fim, no foco para os desafios que estão por vir na prática da atividade física.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, insira seu nome aqui

CONTEÚDO DO BLOG

428FãsCurtir
721SeguidoresSeguir
120SeguidoresSeguir
274InscritosInscrever

Curtinha do squashistas

Receba mensalmente atualizações no seu email.